24 de março de 2012

Colombiana




Essa é a história de uma mulher que testemunhou o assassinato de seus pais quando ainda era uma menininha. Seu pai tinha um rolo com um cara barra pesada na Colômbia e depois de um negócio que acontece no começo mas que não dá pra entender direito, o “patrão” de seu pai vem atrás dele e mata a ele e a sua esposa mas não consegue matar a menininha porque ela escapa.

E é aqui que o filme começa a ficar ruim pra mim.

Cataleya (a menina de quem estamos falando, interpretada por Zoe Saldana) não poderia ter mais do que 10 anos de idade, mas ela consegue escapar de uma gang de homens armados e treinados. Ela é bem esperta e encontra uma maneira de vir para os Estados Unidos e embora ela nunca tivesse estado aqui antes, ela facilmente encontra a casa dos seus parentes... Ah por favor! Eu sei que filmes são obras fictícias, mas eles têm que inventar uma história melhor do que essa!

Depois de chegar na casa do seu tio, ela diz que não quer estudar; ela quer virar uma assassina porque... você acertou, porque quer vingar a morte de seus pais.

Dali e diante, o filme é bem previsível.

Ela cresce, vira essa mulher maravilha que luta e mata todos os malfeitores que cruzam o seu caminho, e assim ela continua com sua vingança. Ela vive a vida toda para se vingar e todos os seus esforços não são capazes de fazê-la feliz. É isso que acontece quando você luta por vingança; você pode até conseguir mas não consegue fazer justiça, não consegue consertar nada, não consegue alcançar paz ou felicidade.

Mas voltando ao filme, tudo o que eu posso dizer é que você não precisa assistir até o final pra saber o que acontece. E se você não precisa assistir até o fim, você nem precisa assistir.

Não recomendo :(

2 comentários:

  1. Já assisti e também não gostei, a atriz também não convence em nenhum momento. Acho que tentaram fazer uma Nikita colombiana mas não deu certo, prefiro a japonesa mesmo rs.

    ResponderExcluir
  2. Eu ja assiste e vou te confessar eu adorei, mas cada um cada um.

    ResponderExcluir